Lírico

A minha foto
Greenland
Toda eu sou alma. Todo eu sou frio, branca como a neve. Toda eu sou sonho, céu, nuvem. Toda eu sou girassol. Toda eu serei tua, se assim o entenderes.

13 de junho de 2009

Razões…

Fecho-me em mim, bem no fundo do meu ser e encontro isto: estou vazia! Oca porque não me tenho a mim ou porque tu já não te encontras cá?

Apenas diminuo as lanças afiadas e viajo… Vou encontrando minúsculos pedaços de um eu, ouvindo vozes, percorrendo labirintos. Esta gente que fala sem saber o que diz! Quero não me deixar lesar mas no fim de contas elas prejudicam demasiado, cada vez mais. Vão transformando o que sinto, a poucos e escassos pronunciares. Destroem cada pedaço do meu ser, espalhando-os por quilómetros de sentimentos.

Sentimentos?

Há ocasiões em que igualmente planeava não sentir, negar o saber, encontrar-me completamente despojada, roubada de mim. E num ápice tudo vai… O que se edificou, desaba por um sorvedouro onde a negrura prevalece. Talvez tudo o que se arquitectou não fosse assim tão sólido como previa, como prevíamos. Não detínhamos ninguém, nenhuma alma nos iluminava o caminho. Pequenos diabos só distanciavam, as trevas nos agasalhavam de temor e as flores iam prometendo um mirar sínico.

As forças esvaeceram, lutar não é jamais a minha metrópole. O meu centro vital já não bate para viver, apenas sobreviver! Agora não articulo: suspiro. Detenho um medo miudinho, delgadinho como um fio de água percorrendo o rosto. Aqui, conhecia o brilho de um sorriso mas agora também sei olhar lamentavelmente o firmamento.

A chuva branqueia-me a alma, causa o teu despertar. Cada gota que me bombardeia é mais uma razão para viver, para vivermos. Coberta de causas, respiro fundo e os pulmões experimentam delicadamente as carícias do ar.

A paisagem me questiona, considero-me inútil, medito nas minhas importâncias e nasce um sorriso. Aprender a preferir, diferenciar, fundamentar… saltito pelos segundos, cabeça erguida, mão no coração: não vá ele fugir para ti!

4 comentários:

ઇઉEmma ઇઉ disse...

Escreves mesmo muito bem! (",)

adorei o inicio...:$

bjo

dRiKa disse...

Simplesmente lindo =)

adorei mesmo*

beijoca

Maria Papoila disse...

Escreves mesmo bem! ^^

Continua,tens futuro. :)

Beijinhos ^^

José Silva disse...

;D Bastante profundo, fez me pensar e reflectir. muito bom mesmo.